Conheça a importância do Margin Trading

O mundo cripto possui diversos termos, um deles é o Margin Trading. Aprenda o que é e como usar a seu favor!

O Margin Trading é uma técnica que consiste em utilizar um fundo disponibilizado por terceiros.

Por meio dele, as contas de margem permitem que os empreendedores tenham acesso a altas quantias de capital.

Assim, a principal função do Margin Trading é melhorar os resultados e tornar mais acessível para o Trader executar suas operações financeiras.

Funciona muito bem em mercados que possuem baixa volatilidade e ainda é utilizado para a bolsa de valores e criptomoedas.

Quer entender mais sobre como opera essa técnica?

Como opera o Margin Trading?

Ao iniciar o processo, o trader deve repassar uma porcentagem dos seus ativos, proporcionais ao valor do seu pedido, essa aplicação é chamada de margem;

Em síntese, o Margin Trading possui a técnica de alavancagem que representa todos os fundos emprestados para a margem.

Cada mercado possui uma escala específica de Margin Trading.

Para as negociações cripto, as medidas geralmente oscilam entre 2:1 a 100:1.

Alguns especialistas utilizam uma linguagem mais simples, utilizando a terminologia “x”, 2x, 5x, com possibilidade de variações.

Há dois tipos de posição: a comprada, que estimula um valor futuro do ativo, e a vendida, que calcula o valor de uma aquisição.

Os ativos do investidor são a garantia para se emprestar fundos.

No entanto, vale a pena observar que muitas corretoras obrigam a venda destes ativos quando o mercado oscila como forma de proteger os ativos emprestados..

Vantagens

O Margin Trading é muito útil para o processo de diversificação de ativos.

Porque através dele é possível fazer negociações de diferentes tipos.

Com o Margin Trading os chamados traders podem abrir novos negócios com um capital menor de investimento.

Ter este tipo de conta pode ser interessante para se abrir novas posições sem transferir grandes quantias para a própria carteira.

Desvantagem

É um método que pode ser considerado de alto risco;

Sobretudo, porque, dependendo da alavancagem, uma pequena queda no preço pode causar prejuízos absurdos.

Assim, os empreendedores que utilizam esta técnica deve ter estratégias adequadas para o gerenciamento de risco.

Margin Trading no mercado de criptomoedas

Em Margin Trading, os riscos são cada vez maiores.

Dessa forma, saber analisar gráficos e determinar os pontos de entrada e saída que antecipam melhor os riscos e realizam as operações de forma mais eficaz.

Antes de impulsionar as operações, é necessário ter experiência e conhecimento com a análise técnica.

Além do Trading, há outro tipo de margem, chamado de Margin Funding;

Margin Funding: como funciona

Para quem não quer correr riscos com o Margin Trading, existem outras maneiras para  conseguir bons resultados com a alavancagem.

Algumas exchanges oferecem aquilo que chamamos de Margin Funding. Através dela, os usuários liberam dinheiro para financiar as margens dos demais.

Este processo obedece alguns termos e cria taxa de juros dinâmicos;

Caso um trader aceite os termos de oferta, o usuário que forneceu os fundos passa a ter o direito de reembolso do empréstimo, com os juros previamente acordados.

De certa forma, o margin funding reivindica que os usuários mantenham os fundos na carteira.

Portanto, é possível concluir que tanto o margin como o funding são importantes para aplicar os seus negócios.

Quer saber mais sobre aplicações financeiras em criptomoedas?

Fale com um dos nossos consultores clicando aqui e comece a diversificar os seus investimentos!

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: