Crise do Coronavírus marca a ascensão da procura pelo Bitcoin

O Bitcoin cresceu muito durante a quarentena, principalmente nas corretoras.

De acordo com os dados abaixo do Google Trends, é possível perceber que cada vez mais tem crescido a procura, desde os últimos dias do mês passado, pelo termo comprar bitcoin (conforme mostra o gráfico abaixo);

Bitcoin decola em meio ao COVID-19 

A famosa corretora americana Coinbase registrou um volume muito alto no mês de março, batendo o recorde de tráfego durante o período de quarentena; a procura pelo Bitcoin pode ter sido estimulada pelos bancos centrais, através de um pacote de estímulos. Com medo de uma inflação alta, muitos usuários acabam buscando por um ativo, que não seja impactado pelas medidas que foram implantadas pelo governo norte-americano, pode-se destacar também que no próximo mês, ocorre o Halving, onde a oferta da moeda será reduzida pela metade.

A injeção de liquidez

A injeção de liquidez na economia feitas pelos governos e também bancos centrais está permitindo que os agentes econômicos tenham recursos a um custo muito barato, tornando as aplicações em Bitcoin mais atrativas.Desta forma, o mundo pós coronavírus terá um conhecimento amplo a respeito do Bitcoin.

Mídia x Governo

A crise do Coronavírus é um grande marco para a revolução humana, pois, nas redes sociais há muitas fake news, onde podemos notar  o embate entre governo x mídia, que publicam muitas vezes notícias falsas, ou até mesmo com um tom de voz exacerbado, distorcendo da realidade.O ministro da saúde, Luiz Henrique Mandetta, afirmou em coletiva de imprensa no último dia 28/03, que os meios de comunicação são “às vezes sórdidos”, essa declaração não foi bem vista pela mídia,que já sofre com “ataques” por meio das declarações do presidente da República.

A moeda do futuro

Quando todo o “stress”  passar, será possível sim apostar no Bitcoin com a função de ser  a moeda do futuro, pois a estimativa é que o valor do ativo chegue a US$ 350.000 daqui a alguns anos. Um estudo da organização de pesquisa norte-americana Kraken apontou que uma geração X herdará US$ 38Tri, enquanto os outros US$ 30Tri serão destinados a uma geração Y, ou seja, há diferença entre as gerações,onde a  X, por exemplo, prefere investir através formatos e também de aplicações mais antigas, sem o uso da tecnologia digital – por outro lado, a considerada geração do milênio, que é mais doutrinada ao uso das novas tecnologias, opta por aplicar através de meios digitais,fazendo com que o Bitcoin se destaque na economia global, por ser um tipo de aplicação totalmente digital.

Até 2044 o Bitcoin chega a US$ 350.000?

A estimativa é que até o ano de 2044, o Bitcoin chegue a US$ 350.000, para isso é necessário quantificar a riqueza da criptomoeda; importante lembrar que  há algumas perspectivas em relação as taxas de investimentos futuros, que são calculadas somente com base em preferências e imposto sobre a herança norte-americana; ao gerar também uma oferta marginal para este cenário apresentado, o Bitcoin pode chegar a este valor.

Com a o crescimento da busca pelo termo comprar bitcoin, acesse o nosso site e entenda como funciona a nossa assessoria. Venha aplicar com a gente!










.


Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: